GCA - Autoavaliação

CONSTITUIÇÃO DO GRUPO COORDENADOR DA AUTOVALIAÇÃO

A Escola Profissional de Fermil, Molares, Celorico de Basto (EPFMCB) integra uma rede colaborativa, composta por 9 escolas profissionais públicas, todas elas com índole agrícola e de desenvolvimento rural, que participam no projeto-piloto em que se pretende conjugar e utilizar, em simultâneo, os princípios de avaliação de três referenciais diferentes: o Modelo Integrado CAF Educação (CAF), Referencial da Avaliação Externa (RAE) e Quadro de Referência Europeu de Garantia da Qualidade para a Educação e Formação Profissional (EQAVET).

A primeira versão do Modelo Integrado: CAF Educação, RAE e EQAVET resultou de um trabalho colaborativo desenvolvido entre agrupamentos de escolas, escolas secundárias e escolas profissionais.

A DGAEP constituiu com estas escolas painéis de clientes com o objetivo de (i) conhecer as dificuldades das escolas no desenvolvimento dos seus processos de autoavaliação e, em ambiente colaborativo, (ii) construir soluções à medida das necessidades das instituições de ensino e formação.

Assim, o Modelo Integrado visa dar resposta a necessidades reais das escolas, sendo, desta forma, um modelo único na Europa pois está adaptado ao contexto específico do setor de ensino português.

A segunda versão do "Modelo Integrado: CAF Educação, Referencial da Avaliação Externa & EQAVET", publicada em fevereiro de 2019, e na qual participa a EPFMCB, justificou-se pela necessidade de atualizar a componente relativa à avaliação externa, na sequência da publicação do novo referencial, divulgado pela Inspeção-Geral da Educação e Ciência, em 19/02/2019, adotado no âmbito do Terceiro Ciclo de Avaliação Externa das Escolas iniciado em 2019.

O Principal objetivo da nossa participação neste projeto-piloto é o de promover a realização de um processo de autoavaliação agregador, através da avaliação integrada dos indicadores relativos ao modelo CAF Educação, RAE (Terceiro Ciclo de Avaliação Externa das Escolas) e EQAVET, possibilitando uma economia de recursos e de tempo, bem como uma visão de conjunto sobre os vários processos avaliativos.

A equipa coordenadora de autoavaliação da nossa escola, que reúne, semanalmente, é liderada pelo Engenheiro Fernando Fevereiro e coordenada pela docente Adelaide Fernandes. A equipa base é ainda composta pelas docentes Ana Júlia Ribeiro, Antónia Martins e Margarida Mota. Deste grupo fazem ainda parte um representante dos trabalhadores não docentes, um representante dos alunos e uma representante dos encarregados de educação

A Escola integra esta Rede Colaborativa de estabelecimentos do Ensino e Formação Profissional (EPF) com o objetivo de concertar metodologias e cronogramas de ações idênticos. A Rede Colaborativa reúne-se mensalmente, tendo como objetivo a partilha de dúvidas, identificação e disseminação de boas práticas no âmbito dos processos de autoavaliação, preceitos que estão na génese deste modelo integrado.

A sua opinião e contribuição é importante!

Envie as suas sugestões para o Grupo Coordenador da Autovaliação: gca@epfermilcb.pt